Viver Sempre com ADORAÇÃO E VIDA



A vida virtual, como já disse aqui, nos reserva agradáveis surpresas. Por meio dela, encontrei lá em Fortaleza - CE um jovem que merece ser chamado de GUIBOR, termo hebraico que siginifica VALENTE. Encontrei um Valente de Deus. Não há muito que eu possa falar do Joel. Deixo com vocês as palavras dele mesmo. Sejam para cada um de vocês força e coragem vindas do Céu, pois para mim foram isso e muito mais...


"Bem, vou falar um pouco de minha vida pra vocês. Me chamo Joel Araújo, tenho 23 anos. Quando era criança tinha muitos sonhos e gostava muito de brincar e de ir à escola, mas aos 12 anos comecei a sentir minhas pernas doloridas e não sabia o que era. Fui ao colégio e na volta caí, e não consegui me levantar sozinho. Um senhor me pegou nos braços e me levou até minha casa. Passei o dia deitado, dormi e quando acordei não conseguia andar. Fui ao médico e lá passei por vários exames, até descobrir que teria que sair do colégio.

Nossa! Pra mim foi um choque. Sempre que me perguntavam o que aconteceu comigo, eu respondia:”-Não sei, foi uma noite traiçoeira!”. Então tive que ser internado por vários meses. Fiquei mais tempo no hospital do que em casa. Fiz fisioterapia e com 15 anos, tive ser operado. Foi uma das fases mais difíceis de minha vida,mas como acredito em Deus, enfrentei. Fui internado e após dois meses, chegou o dia da cirurgia (nunca esquecerei: 17 de junho de 2002, dois dias após meu aniversario).Na noite anterior, um enfermeiro disse que queria falar comigo a respeito da operação. Disse a ele que poderia falar. Daí, ele começou: “-Olha sua cirurgia é arriscada, você vai passar por anestesia geral, quem faz essa cirurgia passa de uma a duas semanas na UTI...” Nossa, eu tremi todo e ele ainda disse que poucos resistiam a esse tipo de cirurgia. Quando ele saiu, comecei a chorar desesperadamente. Logo depois, cerca de vinte minutos, chega uma enfermeira e pede pra falar com minha mãe em particular Perguntei se era a respeito da minha cirurgia e ela disse que sim. Falei que já sabia de tudo, e ela ficou muito preocupada, pois disse q não era pro enfermeiro ter dito nada na minha frente. Daí, ela mandou que eu tomasse remédios pra dormir. Eu tomei, mas não dormi. Passei a noite rezando e pedindo a Deus para que se fizesse a vontade Dele.

Passou a noite e chegou o momento. Na hora da cirurgia, quando chegaram pra me levar pro centro cirúrgico, eu desmaiei. Mesmo assim me levaram. Acordei na sala de cirurgia. Deram-me um líquido, bebi e adormeci. Para honra e glória do Senhor, quando eu acordei tinham se passado dois dias e eu já estava fora da UTI. Então, fiquei mais um mês internado e voltei pra casa, ainda sem anda. Entrei em depressão, passei 2 anos em tratamento com psicólogos, até que um dia me decidi viver do jeito que Deus quer, levantei a cabeça e disse: “A partir de hoje, minha vida voltará ao normal!”. Voltei ao colégio, fiz vários cursos, e hoje, para honra e glória do Senhor, terminei o colegial, e estou esperando o momento certo para entrar na faculdade.

Gente, peço que orem por mim, pois não é fácil. Há dias em que fraquejo e um simples olhar já me faz chorar... Peço também que vocês não desistam de nada, pois com Deus podemos TUDO.
Um forte abraço! Adoração e vida pra vocês! Deus os abençoe!"

Joel Araujo
MSN: webinhovip@hotmail.com